crisjoshaff@gmail.com

domingo, 1 de janeiro de 2012

Caminho de Luz


Pedaços de estrelas colorem a estrada que vejo...
Flores multicores pintam uma aquarela à minha frente...
Perfumes raros inebriam-me...
Acordes de  violino acariciam meus ouvidos...
Sinto uma alegria, uma vibração mágica...
Não sei onde estou,
Mas sei que devo seguir em frente...
É uma estrada estreita, de pedras...
Um caminho longo, sinuoso...
Estou só...
Ou melhor, aparentemente só...
Porque se olhar atentamente,
Consigo visualizar os anjos 
que à beira do caminho oram por mim...
Não sei se mereço tudo isso
É um desafio...
Ou um presente...
Essa dúvida permanecerá...
Minhas escolhas é que farão a diferença...
Sei que muitas vezes as lágrimas me impedem
De sentir o cheiro bom que há nesse percurso,
De ouvir a melodia suave que os violinos me trazem,
De ver a beleza colorida das flores...
Quando isso acontece,
Só vejo as pedras...
As bolhas nos meus pés descalços,
Os buracos e a névoa da tristeza...
No entanto há instantes como agora...
Que consigo ver, ouvir, sentir...
Toda a magia das palavras que tocam meu coração...
E por isso mesmo fazem de mim
Um ser melhor,
Fazem de minha perspectiva
Uma direção segura...
Mais bonita, colorida e perfumada...
Preciso dessa mistura...
É bálsamo para as dores da alma...
É pedaço de mim...
Que me faz grande
E ao mesmo tempo me faz sentir como o grão de areia
Pequeno e frágil...
Porém que pode auxiliar a tempestade de areia
Ou apenas soprar o vento na direção do oceano...
Agradeço a luz do entardecer 
que suavemente clareia meu caminho...
Tenho medo da escuridão,
Contudo quando há fé, esperança e amor...
Ela não se faz plena...
Vem acompanhada pelo brilho das estrelas...
Guiando-me com a luz prateada da lua cheia...
Vejo uma nascente de água cristalina à frente...
Molho minhas mãos na água fria...
Sacio minha sede...
E ao levantar os olhos um clarão de luz
Cega-me os olhos...
O que será?
Caio num sono profundo...
É dia? É noite? Não sei...
Sinto-me leve como se estivesse flutuando...
Estou num barco?
Tenho asas?
Não sei...
Sinto o abraço dos anjos...
Sinto-me feliz!
É uma alegria única, diferente...
Sou eu?
Parece que feixes de luz colorida se desprendem de mim...
E chegam até mim...
É uma energia forte e boa...
Revigora-me, transforma-me...
Agradeço o presente de agora...
Sei que sou apenas um ponto pequeno
Perdido no infinito,
Mas sou feliz pelas minhas escolhas
Por tudo isso que Deus me permitiu
 ter, viver e principalmente SER!

Feliz 2012 a todos! Que este seja um ano de muita luz, paz e amor! Que a fraternidade possa renascer no coração dos homens, assim como o amor possa resplandecer em nossas almas espalhando a paz! Que seja um ano abençoado para todos! Assim seja!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário