crisjoshaff@gmail.com

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Notas do coração


As notas dedilham a canção mais bela...
Meu coração por ti espera...
Junto à luz da lua...
Mas só a saudade tua
Vem visitar a alma sincera
Que precisa desesperadamente da vela.

Vela altaneira que faz meu barco deslizar
Por mares calmos e bravios,
Que me faz vencer desafios,
Que me permite apenas suspiros,
E quem sabe murmúrios,
Fetiches que me conduzem,  fazem-me Navegar...

Onde está o olhar que como luz de farol
Guia-me na escuridão?
Onde está aquela mão
Que tantas vezes ampara a solidão?
Que mostra a um pobre coração
O valor das dádivas que ficaram no arrebol?

Toca a palma da mão
A flor de cor mais suave...
De viço mais supremo...
De perfume assim ameno...
A flor de espinho
Que me enfeitiçou com teu viço!

6 comentários:

  1. Amei... Parabéns Neide o blog está lindo e as poesias, textos também... Você é nota 1000...

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, Neide! Só você mesmo para nos encantar!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Neide, bom dia!!
    Amei os sons desse poema de amor, sons da "cançãomais bela" que um coração pode produzir. A suavidade, a doçura, a entrega, e mesmo alguns traços de ingênua esperança que ele exala nos arrastam para um amor de menina moça, e a mim faz lembrar poemas feitos quando o coração viajava antes da mente e se expunha puro e inteiro.
    Um poema lindo!
    Um abraço carinhoso
    Leo

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, Léo,
    Fico contente que tenha gostado dos versos, afinal a poesia quando grita em nós exala por todos os poros e nós faz unir passado e presente.
    Há muito tempo escrevo e comecei a publicar tanto textos antigos, quanto recentes, sempre que possível faça sua visita e me deixe suas dicas. Serão sempre bem-vindas!
    Abraços!
    Neide

    ResponderExcluir
  5. Oi, Neide, bom dia!!
    Não tenho tantas "dicas" para oferecer. Tenho um leitor e um fã.
    Voltarei para comentar outros.
    Abraço carinhoso
    Leo

    ResponderExcluir