crisjoshaff@gmail.com

domingo, 3 de junho de 2012

Meu amor, meu pequeno....



Deixe abertas
As janelas d’alma.
Nelas se refletem
Intocáveis memórias,
Embalando sonhos,
Lapidando histórias...

Sabedoria rara
Olvida degraus,
Amplia horizontes,
Revela no olhar
Espelhos tantos,
Saudades incertas...

Cobre-nos de luz
Urdidura única
Nas cores certas
Nuanças singulares
Iluminam a vida...
Na sintonia divina...
Guardando tons
Harmonizando sons
Aprende e ensina
Milagres de amar!


2 comentários:

  1. Milagres de amar que só uma criança nos pode ensinar...
    Lindos versos e bela homenagem.
    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Elzinha! Realmente ele muito nos ensina nos muitos milagres de amar!!!

      Excluir